Casagrande detalha ações para melhorar da qualidade da educação

Em encontro com profissionais da área da Educação, realizado na noite de ontem (segunda-feira 24), em Vitória, o candidato ao governo do Estado, Renato Casagrande (PSB-ES), destacou projetos realizados durante sua gestão, e as medidas que pretende implementar para que o setor educacional volte a crescer.

No campo da educação profissional, Casagrande ressaltou a importância do fortalecimento do Profic, iniciado em sua gestão, e criticou o fechamento de escolas na área rural e unidades de ensino noturno, além da queda da qualidade na educação de jovens e adultos, nos últimos quatro anos.

“A área da educação é um grande instrumento de inclusão e ainda temos muitos desafios a enfrentar, como a manutenção dos jovens na escola. Temos que investir na qualidade da educação, ofertar o ensino cada vez mais perto das casas dos jovens, além de projetos de qualificação para os professores, como o mestrado ou doutorado”, detalhou o candidato.

Durante o evento, o reitor do Instituto Federal do Espírito Santo (IFES), Jadir Pela, agradeceu ao candidato Renato Casagrande por todas as ações desempenhadas durante sua gestão em prol da educação profissional. “Os investimentos realizados pelo senhor foram muito importantes para melhorar a qualidade da educação profissional no Estado. Desejamos que o senhor continue com esses projetos ajudando a melhorar a vida de tantas pessoas, por meio da qualificação”, afirmou o reitor.

Dentre as propostas defendidas por Casagrande para a área da educação estão a realização de concurso público, a fim de aumentar o engajamento do docente para a melhoria da qualidade do ensino na rede estadual; fortalecimento e ampliação da Educação de Jovens e Adultos (EJA); ampliação da escola em tempo integral; incentivo à formação tecnológica dos jovens rurais; retomada do projeto “Coordenadores de Pais”; fortalecimento do Programa Educacional de Resistência às Drogas – PROERD nas escolas públicas estaduais, e do atendimento da “Patrulha Escolar”; melhorias do Programa “Nossa Bolsa” e “Bolsa SEDU”, priorizando a população de baixa renda.

Fonte assessoria de comunicação e Foto Hélio Filho

:)