Santa Teresa recebe R$ 899.578,22 para obras de contenção de encostas

Uma obra importante não só para os seus 23.392 moradores, mas também para quem visita a cidade, a construção de estruturas para contenção e prevenção do risco de deslizamentos de encostas começa a sair do papel em Santa Teresa. Por meio de convênio celebrado ontem terça-feira (16) com o Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano (Sedurb), a cidade da região Serrana vai receber R$ 899.578,22 para a realização da obra.

As intervenções serão realizadas na parte alta do bairro São Lourenço, que, desde as fortes chuvas registradas na região em 2013, conta com áreas em risco de desabamento. A contenção será feita com a instalação de cortina de solo grampeado, e a previsão do município é que, após a assinatura da ordem de serviço, a obra seja finalizada em até quatro meses.

A contenção vai dar mais segurança a pelo menos 500 famílias que moram na região, e também para os turistas que visitam a cidade e que passam pelo local. O bairro São Lourenço faz parte da rota do Circuito Turístico Caravaggio, que conta com pousadas, restaurantes típicos, vinícolas e atrações como rampas de voo livre.

Convênios

A assinatura do convênio aconteceu no Palácio Anchieta, com a presença do governador Paulo Hartung, do secretário de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Marcelo de Oliveira, e dos prefeitos de nove municípios beneficiados, além de vereadores e líderes comunitários.

Além de Santa Teresa, receberam recursos para obras de infraestrutura as prefeituras de Alegre, Atílio Vivácqua, Águia Branca, Brejetuba, Ibitirama, Montanha, São Roque do Canaã e Venda Nova do Imigrante, no valor total de R$ 8.746.206,06.

O investimento contempla obras de drenagem, pavimentação, instalação de contenções para evitar deslizamentos e compra de caminhões compactadores de lixo, entre outros, beneficiando mais de 150 mil moradores do Estado.

O secretário Marcelo de Oliveira ressalta que o Governo do Estado autorizou o repasse integral dos recursos, para que não haja risco de paralisação das obras. “O Espírito Santo dá exemplo para o Brasil, ao encerrar este governo podendo assinar convênios com nove municípios, com quase R$ 9 milhões de investimento, mesmo diante da crise. O que estamos fazendo aqui é mais do que um ato administrativo. Estamos melhorando a qualidade de vida dos capixabas”, destacou o secretário.

Fonte e foto- Secretaria de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano

:)