Consumo de ovos aumenta e produtores investem na ampliação e modernização das granjas com apoio do Bandes

Mais presente em 2018 na mesa dos brasileiros, o consumo de ovos traz números expressivos. De acordo com dados divulgados pela Associação Brasileira de Proteínas Animais (ABPA), cada brasileiro comeu em média 212 ovos durante o ano, 20 a mais do que em 2017. Quem tem comemorado o aumento da demanda são os produtores capixabas, que buscam cada vez mais investir na ampliação e modernização de granjas por meio do Programa de Avicultura do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes).

Até o início de janeiro foram 30 novos galpões financiados com recursos do banco, 28 já concluídos e em funcionamento e outros dois em construção. Isso representa uma ampliação da produção na ordem de 6 milhões de aves/ano. Desde que começou a funcionar, em 2003, o programa do Bandes movimentou mais de R$ 40 milhões para o setor avícola capixaba, sendo R$ 14,5 milhões apenas em 2018.

O impacto no setor de agronegócio tem ampliado a presença da avicultura, tanto de corte como de produção de ovos no Espírito Santo. Atualmente, a avicultura é o segundo segmento com mais recursos aprovados pelo Bandes, atrás apenas da tradicional produção cafeeira.

Dos recursos contratados junto ao Bandes (2013-18), cerca de 20% foram destinados à construção de novas granjas e outros 5% para a modernização de ambientes já em funcionamento. A maior parte dos recursos, 45% do total, foi para capital de giro, majoritariamente empregado na aquisição de insumos para produção.

Com o sistema de produção avícola integrado, há vantagens para todos os lados. Para o avicultor, há a garantia de venda do produto a preços justos, o acesso à tecnologia para a construção de instalações e para a operacionalização da atividade e fornecimento de insumos (ração, pintos de um dia, produtos veterinários, além de outros). Já a agroindústria ganha com regularidade da oferta e com a possibilidade de se obter matéria prima de qualidade superior.

Incentivo à produção de ovos caipiras

Atento às demandas dos produtores, em 2018 o Bandes lançou um novo programa para o setor, com foco na produção de ovos caipiras. O “Programa de estímulo à produção comercial de ovos caipiras no Espírito Santo” incentiva a produção e concede mais estímulo para ampliar a cadeia produtiva de ovos artesanais de forma a reproduzir, sob controle sanitário e de qualidade, as condições que seriam encontradas em quintais rústicos.

O novo programa atenderá a todo o Espírito Santo, priorizando as áreas já tradicionais produtoras: Afonso Claudio, Alfredo Chaves, Cachoeiro de Itapemirim, Conceição do Castelo, Domingos Martins, Guarapari, Linhares, Santa Maria, Santa Teresa, Venda Nova e Santa Leopoldina.

Uma pesquisa realizada pelo Bandes constatou que os ovos caipiras têm em média valor até 100% superior aos ovos brancos de granja, o que os torna uma boa alternativa de renda para os produtores.

Informações sobre consultores e linhas de financiamento:
Bandes Atende: 0800 283 4202
Av. Princesa Isabel, 54, Centro, Vitória
App disponível para Android e IOS
www.facebook.com/bandesonline
www.bandes.com.br

Fonte e foto Comunicação Social do Bandes

:)