Alunos de Baixo Guandu participaram de palestra com equipe do Idaf

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) realizou, na manhã de ontem (quarta-feira (24), uma palestra educacional com os alunos do 7º e 8º anos da Escola Municipal Benevenuto Clementino Gomes, em Baixo Guandu.

A atividade, conduzida em parceria com o Serviço de Inspeção Municipal (SIM) de Baixo Guandu, foi ministrada pelas médicas-veterinárias da Gerência de Agroindústria de Pequeno Porte (Geapp), Carolina Dadalto e Aline Alvarenga.

O evento contou ainda com a presença do secretário Municipal de Desenvolvimento Rural, Allony Marlon Torres; dos representantes do SIM de Baixo Guandu, Ana Estela Pessin e José Luiz Dalmonech; da Vigilância Sanitária Municipal, Rosilene Oliveira da Silva; e da Gerência Local do Idaf, Adolfo Cândido e Daniel de Assis.

Durante a palestra, os estudantes conheceram o serviço de inspeção e suas atribuições, aprenderam a identificar um produto inspecionado e quais riscos os produtos não inspecionados podem causar à população. Houve ainda uma dinâmica, na qual as crianças se “transformaram” em fiscais, avaliando imagens relacionadas à fabricação de produtos de origem animal e consolidando os conhecimentos adquiridos. O objetivo da demonstração foi orientar as crianças sobre os prejuízos que os alimentos podem acarretar à saúde quando não são submetidos à devida inspeção sanitária.

“Todo produto de origem animal deve ser proveniente de um estabelecimento registrado no Serviço de Inspeção Oficial, que pode ser municipal, estadual ou federal. Isso garante que ele tenha passado pela avaliação de um profissional habilitado para evitar que produtos contaminados, por exemplo, cheguem à mesa da população. A ideia é conferir a eles a capacidade de identificar aqueles produtos que estão de acordo com as exigências sanitárias e repassar essas orientações para seus amigos e familiares”, explicou médica-veterinária Carolina Dadalto.

Texto: David A. Monteiro
Assessoria de Comunicação/Idaf

:)