Maio Amarelo termina no dia 30

A programação do Maio Amarelo em Colatina, realizado pela Prefeitura, por meio das Secretarias Municipais de Trânsito (Semtran), Educação (Semed) e Cultura (Secult) continuou na manhã da quarta-feira, 16, na Avenida João Pretti em São Silvano, onde foram desenvolvidas diversas atividades.

A Secretaria distribuiu material da campanha para os motoristas por meio de blitz educativa.

A equipe da Secretaria é formada por uma pedagoga e agentes de trânsito, que por meio de conversa informal, músicas e brincadeiras, conscientiza as crianças e os adolescentes de que o trânsito não necessita somente de leis e normas, mas também de respeito e amor ao próximo.

Os principais objetivos são orientar e educar para um comportamento cordial, humanizado e amistoso no trânsito. Conscientizar que o trânsito ocorre no espaço público e compartilhado, onde se deve interagir com outras pessoas e fazer novos amigos, exercendo os direitos de cidadão, mas também com deveres e respeito aos outros.

A programação que começou em abril e vai ter continuidade na próxima semana. No dia 22 às 8 e 13 horas, terá palestra na Escola Pluridocente Municipal Graça Aranha (distrito de Graça Aranha). Novamente com a Tenda, no dia 23, das 8 às 12 horas, a equipe estará na Praça Frei José (Catedral), no Centro da cidade; e no dia 30, das 8 às 12 horas, encerrando a campanha, na Praça Municipal. Fazem parte da programação também Passeio ciclístico, caminhada e Blitzes educativas.

O Maio Amarelo é um movimento mundial, que nasceu com a proposta principal de alertar a sociedade, para a necessidade de reduzir os altos índices de morte e feridos no trânsito em todo o mundo, por meio do desenvolvimento de ações educativas.

Com o tema definido para este ano para o movimento “Nós somos o trânsito”, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) tem como objetivo conscientizar as pessoas sobre a importância de ter atitudes responsáveis no trânsito e como as escolhas individuais afetam o dia a dia de todos os cidadãos, chamando a atenção da sociedade para o seu envolvimento em ações que estimulem condutores, pedestres e passageiros a optarem por um trânsito mais seguro.

:)